amazonia.jpg

SOBRE O INSTITUTO

O Instituto Floresta Mãe tem como propósito preservar, difundir e desenvolver o conhecimento relacionado aos Florais da Amazônia.

 

Ele nasceu da necessidade de agregar os estudiosos deste conhecimento e dar um formato oficial a tudo que se relaciona a ele. Tendo em vista os tempos vindouros, a proposta é que se forme um grupo que se organize em torno das duas pesquisadoras originais, Isabel e Maria Alice, e possa crescer e se desenvolver sob a orientação das mesmas, para que os Florais da Amazônia tenham seu seguimento através dos tempos, conservando uma fidelidade à suas origens. Em seu escopo de trabalho está:

FORMAÇÃO DE MULTIPLICADORES: Professores, difusores dos conhecimentos dos Florais da Amazônia, através de cursos e vivências.
FORMAÇÃO DE TERAPEUTAS DO SISTEMA: Terapeutas certificados dentro da abordagem específica do sistema Florais da Amazônia.
ZELADORIA DA ÉTICA PROFISSIONAL: A união com os praticantes da Terapia Floral e demais Práticas Integrativas e Complementares em Saúde no âmbito nacional, e do acatamento da legislação relativa à Terapia Floral.

PRODUÇÃO E DIFUSÃO: Essências florais de nosso sistema.

FORMAÇÃO DE UMA BIBLIOTECA VIRTUAL: Com textos e matérias produzidos a partir do estudo dos Florais da Amazônia.

Maria Alice Campos Freire fala sobre o Instituto Floresta Mãe

PRINCÍPIOS ÉTICOS

1# Todo aquele que trabalha com a medicina da floresta tem amor à floresta e a toda a Natureza Criadora, e, portanto, tem o compromisso de preservação da mesma devendo manejar corretamente sua atividade extrativista bem como investir em reflorestamento nas áreas desmatadas.

2# A fonte do conhecimento e da força de cura dos Florais da Amazônia provém da grande Mãe Floresta e deve, portanto, retornar a ela sob forma de reconhecimento expresso em ações e atitudes de proteção e preservação do patrimônio físico, cultural e espiritual da Floresta Amazônica e toda a Natureza. 

3# A prática do SERVIÇO como propósito maior constitui a chave de abertura do portal que abre o diálogo do ser humano com os outros reinos da Natureza, fenômeno este que se dá pelo ajuste de frequência das intenções entre os reinos proporcionando a interação de campos de consciência.

4# Reconhecendo as Leis Originais expressas na floresta e toda Natureza, são elas as norteadora das ações e procedimentos relacionados aos Florais da Amazônia, refletindo-se num propósito de cooperação, amizade e parceria nas relações com pessoas, grupos e instituições que comunguem este reconhecimento.

5# A continuidade e a expansão da pesquisa dos Florais da Amazônia é viva e aberta desde que alicerçada nos conteúdos e fundamentos originais da obra que este Instituto se propõe a preservar, difundir e desenvolver.

6# O uso de materiais informativos dos Florais da Amazônia e a referência ao seus produtos relacionados, está protegido por propriedade intelectual e pelo registro da marca. Portanto pessoas grupos e instituições que pretendam usa-los em seus produtos devem firmar acordos de alinhamento de intenções e estabelecimento de termos de cooperação.

7# Defendemos o diálogo com a comunidade cientifica dentro dos demais princípios éticos visando o aprimoramento de nossa pesquisa pelos métodos de experimentação científica que nos legitimam perante os poderes públicos, civis e jurídicos, bem como fortalece nossos laços de fraternidade com toda a humanidade.

O primeiro e o sétimo princípios deste Instituto foram extraídos da Carta de Princípios do Primeiro Encontro de Curadores da Medicina da Floresta. 2011/Cruzeiro do Sul/AC que foi assinada por várias lideranças espirituais tradicionais da Amazônia.

INSTITUTO FLORESTA MÃE DA AMAZÔNIA LTDA.

CNPJ: 27765414/0001-68     

Rua Maria Rosalina Bravo, 136, Bairro Village 

Nova Friburgo/ RJ   

E-mail: contato@floraisdaamazonia.com.br

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco