BENGUÊ

Eu sou a libertação da profunda vontade de ser. Sou a flor de Benguê.

Sou pura do puro branco da luz e do azul celeste do céu. Sou delicada como as estrelinhas azuis que brilham na minha coroa. Minha ação é sutil como as asas brancas do anjo que salvaguarda a minha coroa. Trago a força de Iemanjá-Menina-Janaina, aquela que faz o despacho da lavação das águas brancas para entregar à ação do sal purificador. A força do sal está em mim, sou o sal da mata.


Conforto, transformo, dissolvo as cadeias, liberto. Alivio as contusões da alma. Onde há peso trago a leveza, onde há tensão trago o alívio. Onde há obscuridade trago o brilho da luz do oriente. Eu sou a consciência que vitaliza a fé e a vontade.

MATA VIRGEM

Arbustos.png

ARBUSTOS

Chakra-5.png

3º CHACRA LARÍNGEO
Corpo Mental Inferior– Ascendente.

Iemanjá.png

IEMANJÁ

Água.png

ÁGUA

MODO DE SER NA NATUREZA

É um pequeno arbusto que se prolifera principalmente nas várzeas. Suas flores são como estrelinhas azuis sobre suas pétalas brancas. É uma planta aromática.

ATUAÇÃO DA ESSÊNCIA

Purificadora. Trabalha os traumas nos seus registros
áuricos. Faz parte da Fórmula de Urgência. Atua na liberação de registros traumáticos e couraças, proporcionando suavemente o alívio. Coadjuvante em partos, convalescênça e processos de recuperação. Trabalha também as relações familiares grupais, harmonizando e libertando as negatividades, purificando-as. Indicada na harmonização e limpeza de ambientes.